Empréstimo Sim do Santander com limite pré-aprovado em 2 minutos

Com o intuito de ser um serviço eficiente, o empréstimo Sim é feito virtualmente. Além de ser muito menos burocrática que os demais bancos. Continue lendo e veja como você pode solicitar

Empréstimo Sim do Santander

O empréstimo Sim está disponível para pessoas físicas, pessoas jurídicas, autônomos, aposentados e pensionistas. Bem como servidores públicos e produtores rurais.

Com o intuito de ser um serviço eficiente, o empréstimo é feito virtualmente. Para simular, você gasta 2 minutos! É muito menos burocrática que os demais bancos.

Basta o cliente ter os dados pessoais em mãos, como:

  • CPF;
  • CNH ou RG;
  • Comprovante de renda;
  • Comprovante de residência.

Após, pegar todos os documentos é só acessar o site destinado ao serviço do Grupo Santander https://emprestimosim.com.br/. Logo de cara, já começa o processo inserindo o CPF, principal chave de acesso para análise.

Em seguida, preencha alguns formulários online e informa o valor desejado.

Os empréstimos variam de R$500,00 a R$ 25 mil e com parcelas de até 24 vezes.

Quais são as taxas e tarifas do Empréstimo Sim do Santander

As taxas de juros são exclusivas, uma das menores na modalidade e personalizadas de acordo com o perfil do cliente.

Qual o prazo de pagamento?

Já o pagamento acontece a partir de 45 dias, após a aprovação. Assim, o dinheiro leva apenas 3 dias para cair na sua conta.

Como funciona o Empréstimo Sim do Santander?

É muito importante pesquisar na hora de fazer esse tipo de operação. Há muitos sites maliciosos de empresas que não possuem boa procedência.

Mas calma leitores, seguem algumas dicas que podem ajudá-los.

Uma das ações primordiais para a confiabilidade de uma financeira é conferir se possuem  autorização do Banco Central.

A empresa também deve operar de acordo com a regulamentação do Bacen,. Ou seja, juros altos, vendas chamadas casadas ou condições abusivas não são permitidas.

A instituição não pode cobrar dos clientes qualquer valor na análise. Ou seja, só depois de receber o empréstimo é que pode ser cobrado o pagamento de qualquer taxa proveniente daquela operação.

No contrato entre financeira e cliente informações como juros, taxas, impostos, o número de parcelas, o preço, dentre outros, devem estar claramente expressos. 

Ressaltando que o empréstimo pode ser feito tanto com garantia de carros, motos ou imóveis, por exemplo. Além disso, pode ser feito sem garantia. Contudo, sempre com análise do setor financeiro do banco.

O cliente que deseja solicitar não precisa ser correntista Santander. E não há cobrança antecipada ou depósitos para execução.