Publicidade

É um consenso entre todos: o inglês é a língua universal. Afinal, no mundo todo, seja em uma sala de reunião do mundo corporativo ou até mesmo em um bate-papo descontraído entre pessoas de nacionalidades diferentes, a língua utilizada quase sempre será o inglês.

Publicidade

Porém, mesmo com essa constatação, muitas pessoas ainda não têm habilidade com o idioma, seja na fala, no entendimento ou na escrita.

Se você é uma dessas pessoas, fique tranquilo, pois nós selecionamos algumas frases que podem ser úteis na hora de socializar ou até mesmo de justificar possíveis questões no trabalho, caso haja necessidade de que seja feito em inglês.

Vale lembrar que todas elas não excluem a necessidade de que você busque ter mais conhecimentos sobre a língua, afinal, os diálogos vão se afinando e então é preciso de mais do que frases prontas para ter uma melhor convivência com pessoas de outras nacionalidades.

Aprenda algumas frases úteis em inglês e suas traduções:

  • Are you sure?
Publicidade

Você tem certeza?

  • You are right

Você tem razão.

  • How old are you?

Quantos anos você tem?

  • What’s wrong?

O que há de errado?

  • Be careful

Seja cuidadoso

  • That’s not funny

Isso não é engraçado

  • I can’t work/I can’t work today
Publicidade

Eu não posso trabalhar./Eu não posso trabalhar hoje

  • I’m cold

Estou com frio

  • I’m hungry

Estou com fome

  • I’m afraid

Estou com medo

  • I’m sleepy

Estou com sono

  • I have a headache

Estou com dor de cabeça

  • It’s out of order
Publicidade

Está com defeito

  • I’m on vacation

Estou de férias

  • It’s my day off

Estou de folga

  • We agree

Nós concordamos

  • Nice to meet you

Prazer em conhecê-lo

  • Nice to meet you too

O prazer é meu.

  • How are you?
Publicidade

Como vai?

How old are you?

Quantos anos você tem?

  • Do you have any brothers and sisters?

Você tem irmãos?

  • You’re welcome

De nada

  • Excuse me

Com licença

  • I’ll be right back
Publicidade

Eu já volto

  • See you

Até logo

  • How was your weekend?

Como foi o seu fim de semana?

  • Are you having a good time?

Você está se divertindo?

  • No, thank’s

Não, obrigado

Erros comuns no inglês: não faça isso no seu emprego!

O inglês é um idioma básico atualmente, essencial na maior parte das carreiras profissionais, além de ser importante para quem deseja viajar para o exterior.

Publicidade

Confira a seguir os 15 erros mais comuns da língua inglesa!

  1. Utilizar o “do” no lugar de “make”: do e make são palavras que significam “fazer”, mas a segunda está mais no sentido de fabricar, por exemplo: “make a toy”, “make a cake”.
  2. Colocar “your” no lugar de “his” e “her”: os três são pronomes possessivos, mas he exige emprego de his e she, de her. O your é usado apenas com you. A confusão ocorre porque, em português, todos significam “seu/sua/seus/suas”.
  3.  Empregar o “to have” no sentido de haver.
  4. Confusão entre anything e nothing: ambos significam “nada”, mas o primeiro entra em sentenças negativas e o segundo em afirmativas.
  5. Esquecer-se de inserir o –s ou –es em verbos conjugados na terceira pessoa. Exemplo: I eat/ She eats.
  6. Colocar o “to” depois de um modal: can, could, would, must. Por exemplo, o correto é “I can play”, jamais “I can to play”.
  7. Confundir-se com os falsos cognatos, palavras que são semelhantes a outras em português, mas com sentidos diferentes. Parents significa pais e não parentes!
  8. Pronunciar a palavra “coffee” como se fosse “cof”. Os dois e’s devem aparecer bem na pronúncia, caso contrário, a palavra se torna “cough”, que significa tosse.
  9. Usar a expressão “looks like” sem cuidado! Ela significa “parecer”, mas sempre que houver um adjetivo, o like deve ser cortado, permanecendo apenas o looks, como em: She looks beautiful, ou seja, ela parece bonita.
  10. Escrever/falar frases sem sujeito: “Is wonderful”! O correto seria “It’s wonderful”, ou seja, sujeito, verbo e complemento (mesmo que o sujeito não precise aparecer na tradução).
  11. Usar o “that” após o “want”: He wants that you go. Para dizer “ele quer que você vá”, esse “que” não é colocado, ficando apenas He wants you go.
  12. Não colocar o to para separar dois verbos.
  13. Colocar o adjetivo depois do substantivo como é em português. Em inglês, é sempre antes.
  14. Começar a frase com “exists”, prefira “there is”/”there are”.
  15. Procurar traduções “ao pé da letra”! Esse é o maior erro, procure sempre capturar a essência ao invés de traduzir cada palavra.

Por que aprender inglês?

Bons salários

Habilidades linguísticas são um diferencial no mercado de trabalho. Análises recentes mostram que um segundo idioma pode aumentar o salário inicial em até 2%. Vale ressaltar que cada idioma possui um valor. Por exemplo, com um alemão no currículo você consegue um aumento de até 3,8%.

Você mais produtivo e em forma

Aprender idiomas melhora as funções cerebrais em uma série de áreas: habilidade para resolver problemas, tomar decisões, fazer várias tarefas ao mesmo tempo, trocar de idiomas, além de aprimorar sua percepção, atenção, concentração e memória. Se você for mais velho, isso ajudará a evitar a demência e aumentará sua reserva cognitiva. Falando nisso, um estudo recente da Universidade de Edimburgo descobriu vários benefícios na área cognitiva independente da idade (jovem ou mais velho) em que o segundo idioma foi aprendido.

Exercite sua mente

Aprender um novo idioma é exercitar a mente e o seu cérebro agradece. É melhor aprender em aulas particulares regulares do que um muito de uma vez. Assim você memoriza mais.

Amplie seus horizontes

Escolha um idioma. Escolha uma cultura. Escolha museus, filmes, músicas. Escolha filosofia e romance. Escolha entender o que o motorista de ônibus está dizendo. Escolha terras desconhecidas, novas sensações, comidas que você nunca provou. Aprender um novo idioma é conhecer um mundo totalmente diferente no qual você vive.

4 carreiras que você pode seguir por dominar um novo idioma

Descubra neste artigo trabalhos que podem ser realizado por você que domina um idioma, como inglês ou espanhol.

Conversação com estrangeiros

Publicidade

Muitos estrangeiros vem trabalhar no Brasil e você pode ser a pessoa que vai ajudá-los a praticar a língua portuguesa de forma correta. Uma reclamação bem comum dos nossos alunos de português para estrangeiros é que os brasileiros são muito amáveis e nunca os corrigem quando falam errado. Você pode se oferecer para aulas de conversação cuja língua nativa seja a que você domina e, a partir dela, melhorar o português deles, já pensou nisso?

Trabalhar em multinacionais

O Brasil é o terceiro país na escala de prioridades de investimentos e alvo de interesse principalmente de empresários espanhóis (45%), norte-americanos (42%) e argentinos (35%). Se o seu objetivo é trabalhar em uma grande companhia, invista em aprender um novo idioma para ingressar em uma multinacional e tentar construir sua carreira dentro dela.

Intérprete

O trabalho de intérprete pode ser muito confundido com o de tradutor, mas são duas profissões totalmente diferentes. Ser intérprete significa que você irá escutar em uma língua o conteúdo e passar para outra pessoa no idioma que ela entende. É importante dominar muito bem a língua estrangeira, para não ter problemas com as palavras e expressões que poderá ouvir durante o processo de intérprete. Além disso, é muito importante você se preparar bem para esse trabalho que é bem remunerado mas é bem complicado também!

Tradutor

Para ingressar neste mercado de traduções, você precisa conhecer muito bem o idioma. Dominar o vocabulário, ter habilidades na audição e escrita e, se possível, ter experiência acadêmica no idioma.